PERMACULTURA: A PROGRESSAO DENTRO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS – ENCONTRO SOBRE SISTEMAS AGROFLORESTAIS DA REGIÃO NORDESTE – 1994

No período de 24 a 26 de maio de 1994, Centro de Pesquisa Agropecuária do Trópico Semiárido – CPATSA, pertencente à Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA, em conjunto com o Projeto PNUO/FAO/IBAMAlBRAl87-007, promoveram na cidade de Petrolina(PE) o Encontro sobre Sistemas Agroflorestais da Região Nordeste.

A ideia da realização do Encontro sobre Sistemas Agroflorestais da Região Nordeste surgiu da necessidade de gerar conhecimentos e discutir os diferentes sistemas agroflorestais existentes, tratando dos seus aspectos científicos, técnicos e práticos sob a ótica ambiental, biológica e sócio – econômica, visando levantar a potencialidade e as limitações desse tipo de uso da terra para a região semiárida do Nordeste brasileiro.

A metodologia do encontro consistiu de três fases distintas. Num primeiro momento, através de técnicas de “tempestade de ideias”, explanação oral e debates, procurou-se obter o nivelamento dos participantes, no que diz respeito à conceituação e caracterização de Sistemas Agroflorestais (SAFs). Posteriormente, os representantes das instituições convidadas apresentaram suas experiências com esses sistemas e através de mesas redondas, procurou- se debater com maior profundidade a situação atual dos SAFs nas áreas de ensino, pesquisa e extensão, dando ênfase às ações voltadas para o semiárido. Na ocasião foi feito o levantamento da situação atual dos sistemas agroflorestais, enfocando os principais sucessos e entraves e, com base nas conclusões obtidas, foram elaboradas as recomendações e estratégias para a implantação de SAFs na região.

Nesta oportunidade foi relatado um total de 25 (vinte e cinco) experiências de SAFs pelos diversos organismos participantes, entre estes estava Marsha Hanzi a época coordenadora do Instituto de Permacultura da Bahia.  Embora seja um simples registro, o mesmo é bastante representativo, uma vez em 1994 a Permacultura ainda estava engatinhando no Brasil, este simboliza um ato de afirmação da ótica e da ética permacultural enquanto uma estratégia de manejo sustentável de um agroecossistema.

Trazemos aqui o trecho apresentação de Marsha Hanzi de forma sintetizada, tal qual consta nos Anais encontro.

 

 

Abaixo os Anais na íntegra.

anais encontro sobre sistemas agroflorestais da regiÃo nordeste 1994

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s